Todo ano a escola realiza a semana cultural, com os alunos do ensino médio, que tem como foco homenagear um nome da cultura brasileira, apresentando suas obras da forma mais graciosa possível, os alunos se empenham o ano todo para que esse evento seja perfeito.

Esse ano não foi diferente, o homenageado do ano foi nada a mais nada a menos que o grandíssimo e excelentíssimo Monteiro Lobato, o criador de vários livros de contos e histórias infantis, seu público preferido, o seu grande sucesso “Sítio do Pica- pau Amarelo” foi ressaltado com o devido respeito e consideração, os alunos arrasaram e entraram realmente nos personagens, D. Benta, Tia Nástacia, Visconde, Narizinho, Pedrinho, Rabicó, Cuca, Emília e claro Saci foram todos magnifica e honrosamente representados pelos alunos de primeiros e segundos anos e um terceiro ano da escola. Os alunos voavam, ao representar, demonstravam o quão profissionais eram, ótimos atores, respeitosos personagens e dedicados alunos foi possível visualizar da plateia, o orgulho era evidente nos olhos de cada diretor, coordenador e professor.

As apresentações não pararam por ai, contos da época em que o autor ainda frequentava a faculdade também foram apresentados em forma de teatro, com realce no conto “Cavalinhos” de Cidades Mortas que foi um verdadeiro sucesso. Os alunos do terceiro ano dividiram seu tempo um pouquinho mais, adicionando a rotina os ensaios entusiasmados para apresentação, afim de demonstrar no palco que o esforço valeu a pena, e não deu outra, os alunos realmente deram um show, um espetáculo maravilhoso deixaram claro que estar ali em cima era de grande satisfação e gratificação para cada um dos atores, equipe do cenário e do vestuário, não deixaram dúvidas que todos trabalharam a favor e se empenharam apesar de todo o peso dos estudos não deixaram nada a desejar.

O espetáculo seguiu com apresentações de tirar o folego, a semana de 22 um movimento importantíssimo para o país não ficou fora desse magnífico trabalho. Ao final de todos os teatros, juntamente com o professor Mayr, os alunos cantaram músicas nacionais que através de suas letras, mostravam a realidade da época em que foram compostas, e para fechar com chave de ouro, a pedido dos alunos, o professor cantou sua música mais famosa “Quebradeira”, que assim como as outras conta uma história de realidade cruel de algumas pessoas, fechando assim um emocionante trabalho em equipe. Parabéns aos alunos e professores, estamos esperando ansiosos a apresentação do ano que vem, com altas expectativas.

 

Matéria de: Laiana Gomes

Faça um comentário